TDec Redes de Computadores

UNISANTOS moderniza sua infraestrutura de comunicação

Projeto é da TDec Network Group, com soluções Enterasys e Juniper. Integração disponibiliza alta qualidade de serviços, com capacidade de tráfego e segurança superiores

Agosto/2010 - A Universidade Católica de Santos (UNISANTOS) é uma Instituição de ensino superior formada por cinco centros de ensino. Administra três Campus na cidade de Santos, litoral paulista, e mantém 40 cursos de Graduação e de Tecnologia, cinco cursos de Mestrado recomendados pela Capes/MEC (Educação, Direito, Gestão de Negócios, Informática e Saúde Coletiva), e dezenas de cursos de Especialização. Na sua estrutura, são centenas de salas de aula, mais de 30 laboratórios técnico-científicos, salas de comunicação e internet, além de núcleos de Educação à Distância (EAD), bibliotecas, uma editora própria, reitoria, pró-reitorias e a central de administração para atender alunos, professores e colaboradores.

Às vésperas de completar 60 anos, a UNISANTOS, que tem intensa atividade educacional e sócio-cultural, dá mais um passo em direção ao futuro: a modernização da sua rede computacional, com foco nas Comunicações Unificadas (UC).

 “Estávamos com o core da rede defasado, com equipamentos que já não atendiam mais à intensa comunicação da universidade. Precisávamos de mais largura de banda na ponta dos usuários para prover soluções unificadas, com gerenciamento remoto e controle de ativos e incidentes mais eficazes e de forma centralizada”, conta Antonio Galleão, coordenador de TI da UNISANTOS.

Para solucionar o problema, a Universidade contratou a TDec Network, que  orientou o projeto da nova rede com soluções de última geração, atendendo além dos requisitos e dentro do orçamento previsto. A integração está prevista para começar neste mês de setembro e a nova rede terá configurações para prover alta qualidade de serviços a toda a sua comunidade, com capacidade de tráfego e segurança superiores.

Segundo José Valter Távora de Castro Jr, CEO da TDec Network, para o núcleo da nova rede da UNISANTOS, a melhor opção foi a novíssima  linha Enterasys S-Series, com funcionalidades que permitem virtualizar a conectividade automaticamente. “Em contraste com soluções que exigem intervenção administrativa manual, a automação embutida reduz a complexidade e os custos administrativos, garantindo alta disponibilidade dos aplicativos, inclusive gráficos e vídeos, com alto desempenho para os usuários finais.  Para a distribuição da rede, a escolha foi o Enterasys G-Series, um switching empilhável adequado para ambientes de switching/roteamento dinâmicos, incluindo roteamento em IPv6, que exigem alta densidade de portas Gigabit Ethernet e uplinks de alta capacidade em 10GE.

“A utilização de equipamentos com massiva capacidade de alocação de recursos para transferência de informação e elevado desempenho fornece um substrato de infraestrutura capaz de atender às mais elevadas demandas do cliente”, garante Castro Jr.

Para o gerenciamento de todo o parque da UNISANTOS, o projeto demandou a utilização do software Netsight, também da Enterasys. “Toda a sofisticada estrutura de rede proposta para a Unisantos teria um ponto de falha se não pudesse ser gerenciada em sua plenitude, com mecanismos pró-ativos de atendimentos a eventuais incidentes de redes. A ferramenta definida permite o mapeamento total da rede, o gerenciamento e documentação de possíveis incidentes e backup”, assegura o CEO da TDec. 

No quesito Segurança, a instituição de Ensino Superior terá o firewall SRX650, da Juniper, que promove um avançado sistema de controle de acesso e uso da rede, sob o conceito Secure Network. “Neste conceito, não se coloca segurança na rede, mas desenha-se uma rede segura”, observa o executivo.

Para Galleão, assim que o projeto estiver totalmente implantado, a UNISANTOS passa a um novo patamar tecnológico, com uma infraestrutura de acesso e troca de informações preparada para suportar o crescimento e as demandas futuras da instituição. “Estamos dando um importante passo para um serviço de qualidade avançada aos nossos usuários, promovendo uma dinâmica avançada nas comunicações da UNISANTOS”, finaliza o coordenador de TI da Universidade.